3º Congresso Socioemocional LIV: abrir diálogos, ampliar reflexões e inspirar!

3Dias 7 e 8 de junho, cerca de 1.500 educadores vindos de todas as regiões do país encontraram-se no Rio de Janeiro para o Congresso Socioemocional LIV, que na sua terceira edição se consolidou como o principal encontro sobre educação e inteligência emocional do país. Organizado pelo LIV – Laboratório Inteligência de Vida, do grupo Eleva Educação, o Congresso Socioemocional trouxe ao palco nomes como Edgar Morin, Rosely Sayão, Lázaro Ramos e outros de palestrantes do Brasil e do exterior para discutir habilidades socioemocionais e aprofundar o debate sobre educação por diferentes pontos de vista.

Além de participar de uma extensa programação de palestras, os convidados também puderem conhecer o LIV Alive, um cenário que proporcionou a imersão nos conceitos que embasam o programa e revelou as novidades para 2020. No Congresso também foi realizada a primeira edição do prêmio LIV em Ação”, iniciativa que reconheceu o trabalho de educadores que vêm utilizando o currículo socioemocional para transformar suas escolas e a vida dos estudantes.

Durante sua apresentação no evento, Caio Lo Bianco, idealizador e gerente executivo do LIV, relembrou os esforços iniciais do programa, há quase 5 anos, e as primeiras parcerias feitas com escolas de Minas Gerais, Maranhão e Rio de Janeiro que apostaram em uma proposta tão inovadora e pioneira. “Hoje, o LIV é reconhecido como um espaço de escuta e fala. Cada vez temos mais certeza de que a educação deve passar por mudanças e o socioemocional precisa ter lugar em sala de aula”, disse.

Duda Falcão, CEO do grupo Eleva Educação, também esteve presente no evento e complementou: “O LIV faz parte da missão do grupo Eleva. Acreditamos que a formação dos estudantes ocorre em três pilares: excelência acadêmica, socioemocional e cidadania”. Para ela, da mesma forma como os estudantes aprendem os conteúdos tradicionais, podem desenvolver o lado socioemocional através de um currículo estruturado e sistematizado para toda a educação básica, da educação infantil ao ensino médio.

Impacto na escola e na vida

Na plateia do Congresso, estiveram presentes representantes das 220 escolas que já trabalham com o programa LIV e que atendem, juntas, mais de 150 mil alunos, além de convidados de 350 escolas que estão conhecendo a iniciativa. Vindos de diferentes contextos sociais e culturais, os educadores demonstraram um propósito comum: disposição de inovar e formar cidadãos para enfrentar os desafios da vida e da sociedade.

Elida de Freitas Duarte, do Colégio Êxodos, em Fortaleza, trabalha com o LIV há cerca de 3 anos e contou: “Na nossa escola, procurávamos trabalhar com os aspectos socioemocionais de forma intuitiva. Com o LIV, vimos que essa ideia era apresentada de forma organizada e aprimorada. Percebemos que poderíamos ir muito além trabalhando com o [aspecto] emocional das crianças”. Maria Aderlândia Paulo Castelo Branco, professora do LIV na mesma escola, também aproveitou a ocasião para falar sobre o efeito do programa em seus alunos: “O LIV é um momento privilegiado para se ouvir e falar sobre hábitos, experiências e emoções.

A importância do LIV para a família

Além do espaço dedicado a debater o impacto do LIV nas escolas, o evento também inovou ao trazer a fala das famílias sobre a importância de abordar os sentimentos com as crianças e os adolescentes. Um dos destaques nesse sentido foi a presença do ator Lázaro Ramos, que, pouca gente sabe, conheceu o programa através da escola de seus filhos e se tornou um fã. O ator viu importância na temática e se engajou tanto nas aulas que chegou a escrever o livro “Sinto o que sinto e a incrível história de Asta e Jaser”, lançado em maio e inspirado nas experiências de seus filhos com o programa na escola.

“Eu não sabia como falar sobre emoções com minhas crianças, mas tinha consciência de que era necessário. O LIV organiza e dá alternativas para isso. Acredito no que ouço sempre pelo programa: ‘eu não posso escolher o que sinto, mas posso decidir o que fazer’”, contou em sua apresentação. Graças a essa relação, Lázaro foi convidado para gravar o primeiro Manifesto LIV, um vídeo emocionante lançado durante o 3º Congresso Socioemocional e que você pode conferir agora:

LIV Alive: espaços de experiência e imersão

Caminhar por um cenário de floresta, tirar foto com os personagens dos materiais do LIV, refletir sobre qual projeto de vida deseja tirar do papel, sorrir ao ouvir ao vivo músicas feitas especialmente para os pequenos e caminhar em um labirinto de espelhos e reflexões. Essas foram algumas das experiências que emocionaram os participantes do Congresso no espaço chamado LIV Alive.

Nesse cenário, os convidados vivenciaram de forma lúdica o que os alunos sentem no contato com as propostas do programa. No ambiente da educação infantil, por exemplo, todos foram convidados a registrar suas respostas para as questões “o que você faz para se acalmar quando está nervoso” e “o que você não gosta que te digam”, que estão relacionadas ao desenvolvimento da inteligência emocional trabalhada no material.

No espaço dedicado aos anos iniciais do ensino fundamental, os participantes subiam e desciam de uma casa na árvore inspirada nas histórias voltadas a esse segmento. Já no cenário dos anos finais do fundamental, foram exibidos os seriados em vídeo, mostrando a variedade de linguagem dos materiais dedicados à faixa etária. No ensino médio, os participantes puderam ver jogos, frases e foram incentivados a escrever, em uma enorme parede de post-its, sobre seus medos, gosto musical e até qual superpoder gostariam de ter, remetendo aos temas Escolhas e Protagonismo, que são abordados com os adolescentes.

O espaço contou ainda com uma área onde as escolas puderem ver de perto o material do programa LIV e o material didático do grupo Eleva, além de terem acesso a um espaço comercial exclusivo onde puderam conversar com consultores sobre como adotar o programa e como criar um pilar socioemocional em suas escolas.

Confira a programação completa em detalhes!

Durante os dois dias, o Congresso foi marcado por uma programação intensa e variada de palestras e debates. Os palestrantes trataram de questões relacionadas à educação, como infância, juventude e inteligência emocional. Confira a seguir todos os destaques e clique nos links para ler e se aprofundar sobre cada um dos temas.

  • Lucia Rabello de Castro, membro do Instituto de Psicologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro, estudiosa da infância e adolescência contemporâneas, falou sobre a relação entre adultos e crianças;
  • Marcos Piangers, autor do livro “Papai é Pop” e criador de um canal sobre paternidade no YouTube, fez um empolgante discurso sobre a participação dos pais na vida de seus filhos;
  • Janaína Barros, Gina Vieira e Diego Mahfouz, um trio de educadores vencedores de diversos prêmios, contaram histórias cotidianas e de superação;
  • Rosely Sayão e Christian Dunker, estudiosos da psicologia, conversaram sobre saúde mental na escola, escuta e relação entre família e escola;
  • George Couros, palestrante e autor canadense, falou sobre inovação na educação;
  • Edgar Morin, um dos mais importantes pensadores da atualidade, o antropólogo francês discursou sobre a relação entre razão e emoção no pensamento complexo.

Para saber mais sobre os destaques do 3º Congresso Socioemocional LIV, acompanhe os próximos posts aqui no blog do LIV!

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 + 11 =